ÚLTIMOS POSTS!

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Encontrei o amor perdido...

Meu filho disse um dia que os adultos (hoje ele tem 19 anos) sempre que escrevem usam muitas reticências... Preciso admitir que sim.
Motivos à parte, uso as benditas de forma regular e até exagerada, uma vez que considero a entrelinha da vida, uma eterna reticência.
Mas vamos ao que interessa!
No luto que me improvisei das escritas no blog, posso afirmar que o Garmin teve um bom pingo de culpa nisso tudo. Sou sistemática e metódica e na época em que comprei o bendito, ele me ajudou a deixar essa linha tênue de ignorância quase que afiada como uma faca.
Tudo era tempo, volume de treino, estatísticas, estatística e mais estatísticas.
Adorava! E isso me deixava apta a produzir + conteúdo e + adrenalina.
O Garmin foi pifando aos poucos... numa forma lenta de despedida, ora funcionava, ora não... ( e lá vem as reticências).
Assim se passaram bons dois anos na insistência heroica em organizar meus treinos pelo dispositivo.
Fui desapegando... (olha as reticências de novo) E ele nunca mais ligou, rasgou a pulseira e então o guardei para sempre.
De uns bons tempos pra cá, venho subindo cada vez mais na esteira, e cada vez mais cedo. E consigo aliar amor e ódio numa combinação perfeita entre um ligar e desligar automático da passadera.
Mas faltava a chama desse amor para acender a paixão das estatísticas em minha veia. E não é que encontrei o amor perdido num app de smartphone?
Sim, fissurada pelas estatísticas, cores e troféus do novo brinquedinho, senti surgir  aquela vibração quase infantil dos tempos em que escrevia tudo no caderninho.
Coisa boa!

Sobre sábado à noite :-)




domingo, 18 de outubro de 2015

MARATONA DA CAIXA DE PORTO ALEGRE - 17 DE OUTUBRO


Ontem corri a Rústica Farroupilha, que fazia parte do evento da Maratona da Caixa de Porto Alegre.
Dois anos depois de participar da última prova de rua, me joguei feliz e determinada a apenas me divertir pelas bandas da Beira Rio.
E foi exatamente isso que eu fiz, corri feliz e solta, num compasso perfeito entre corpo e alma... Uma alma lavada que me fez lembrar o quanto curto fazer isso.
Larguei no meio da galera e senti na pele e nas emoções a vontade que eu estava de correr a passos largos em direção à largada.
Passei o pórtico emocionada, numa menção à tudo que estou passando nesses últimos anos em relação à mãe.
Mas logo me tornei aquela mesma alemoa obstinada que estava visivilmente focada.
Queria concluir bem, sem neura, mas num tempo justo.
E consegui.
Fechei em 52' e ainda fiz a incrível façanha de ficar em terceiro na categoria que estava correndo pela primeira vez | 40-44 e em 24 na geral :-)

CATEGORIA: F - 10KM - 40 A 44 ANOS FEMININO
    1 01313 SÍLVIA GONÇALVES            F  00:48:34  12,354   R.A.RUNNERS - 
    2 00883 CLAUDETE COSTA MACHADO      F  00:50:55  11,784   VELOZ ASSESSORIA        
    3 01211 INGRID RAMBO SCOPEL         F  00:52:06  11,516   AVULSO
 
ORDEM NRO.  NOME                       SEXO  TEMPO   EQUIPE/PATROCINADOR 
24    01211 INGRID RAMBO SCOPEL         F   00:52:06 AVULSO 

Tem um videozinho da chegada que o Ernani fez, e que achei bem fofo.

video


Beijos, Ingrid!

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Próxima largada...

Depois de muito correr e pouco planejar, dia 17 de outubro vou encarar os 10K na Maratona Noturna aqui de Porto Alegre. Se pensar muito são menos de 8 dias e nada de treino específico, apenas uma louca vontade de me divertir novamente pelas bandas do Guaíba.
Aproveitando, vou correr pela primeira vez a categoria 40-44 ( porque já sou enta e ainda não fiz o debut!). A quem interessar possa, segue o link da inscrição:

http://www.sportpass.com.br/Maratona-Caixa-do-Rio-Grande-do-Sul

Tem distância para todos os viventes :-)

Beijos,







terça-feira, 6 de outubro de 2015

Ela é um FREERUN


Depois de um longo tempo sem escrever, me vejo teclando a ponto de ouvir as palavras antes mesmo de organizá-las. Existe um motivo para a ausência que me mira de frente a cada dia e a todo instante.
Mas vou deixar isso nas linhas matutinas e vespertinas da vida...
De qualquer forma ontem eu li um tweet da grande Helena Vidal que não saiu do meu pensamento...
Ela é um FREERUN - que nada mais é a definição da alma de uma corredora que ama mais a corrida como estilo de vida do que como esporte, apesar de um estar tecnicamente ligado ao outro. Correr assim trouxe um sentido diferente.
Como ela mesmo disse, é uma fórmula que  trouxe leveza e que permite ir além.
Depois de uma troca de mensagens ( algo que não é muito comum para uma corredora caverna como eu) tive a sensação de realmente poder fazer parte dessa corrente.
É uma alma lavada a cada corrida, seja curta, longa, na esteira ou na rua, a sensação é mutante.
Tento não misturar as coisas, mas é inevitável não falar do Alzheimer da mãe, uma vez que tudo gira em torno dos cuidados com ela.  É fato que os treinos, as tranças ao vento e as declarações incessantes por aqui foram diminuindo e se transformando a medida que a doença foi tomando mais e mais nosso dia a dia. E nesse tempo todo sem postar, não deixei de correr, mas me joguei mais na esteira do que na rua, mas corri... como um FREERUN.
Sim, a Helena me salvou de uma culpa estúpida sobre não ser uma corredora de verdade. Por não manter um índice melhor a cada ano que passava e de não bater minhas metas e melhores tempos.
Porque escrever e postar fotos é apenas um ato (as vezes falho) dentro do processo todo que é escolher o esporte para a vida toda.
Comecei a correr aos 34 anos e hoje já estou com 40. Tanta coisa mudou...
No começo escrevia meus treinos num caderninho com o tipo de terreno, temperatura, tempo e distância percorrida. Anotava e somava tudo meticulosamente. Depois de um bom tempo, comprei um Garmin Forerunner. Me diverti muito nessa fase, que foi a mais competitiva. Baixei tempos, fiz percursos incríveis que ficaram registrados e curti um momento in dentro do processo da corrida de rua. Mas o Garmin já não existe mais. Tentei de tudo para salvar a pulseira e conseguir uma assistência pro bichinho, mas foi em vão. Nesse hiato apenas corri, e me desfiz de neuras adquiridas pela processo competitivo que havia me colocado ( internamente, claro).
Hoje sou, graças a Helena, um FREERUN.
Corro por mim,  pela  felicidade, pela exaustão do dia a dia, pela escolha , pela leveza da alma.
Pra dizer a verdade, corro porque me torno melhor, mais fácil de conviver e a sensatez que preciso para encarar tudo vem desses momentos reais comigo mesmo.
Helena, nem sei como te agradecer!







quarta-feira, 11 de junho de 2014

Planilha Capilé - 8 Semanas

Pra ter uma produtividade efetiva nos treinos de agora em diante, fiz uma busca bem capilé e baixei uma planilha de treinos da internet (que jogue o primeiro tênis quem nunca baixou uma planilha...).
Nas opções da planilha coloquei : 21K | Nível avançado ( porque sou metida mesmo) | 8 semanas
Gostei do resultado porque a planilha é bem coesa.
Então daqui a 8 semanas, vou puxar o Garmin e dar a largada como se estivesse correndo uma prova real. 
Se tem uma coisa que gosto de fazer é correr no inverno.
Cansei de sair com 2º para correr em pleno domingo. 
Hoje o dia é de descanso e como sou caxias (e estou toda dura..ehehe) vou cumprir à risca.
Ontem foram 10'LE 50'MO 10'LE   
To com um problema de peso na cabeça, meu cabelo está enorrrrme!
Quando comecei a correr à cinco anos atrás, eu tinha o cabelo acima do ombro e o rabo de cavalo era quase um cotoco..rsrsr
Hoje ele tá imenso e socialmente falando, adoro ele assim, mas para a prática do esporte...quanta dificuldade rsrsrs.



terça-feira, 10 de junho de 2014

Não tá morto quem peleia :-)


Não tá morto quem peleia, e volto justamente com essa máxima gauchesca aos treinos e aos objetivos corrísticos, uma vez que 2014 não estava (sim no passado mesmo) sendo um ano de muitas ambições nesse sentido. O engraçado é que mesmo sentindo muita falta de treinar , não consegui fazer uma agenda positiva nesse sentido.
 
2014 está sendo um ano de muitas mudanças, todas muito boas, mas em um volume fora do habitual. Por mais que tentasse o corpo se sobrecarregou. Muitas horas a mais de trabalho, poucas horas de sono e o momento era esse de romper as barreiras para poder entrar nesse “novo” em que me encontro hoje. Não acho que tenha sido desculpa, e também não me culpo.

Mas precisei assimilar essa nova condição e cá estou eu retornando... Lépida e faceira ao encontro de mim mesma... Uhuuu, adoro correr e sei o quanto isso me faz bem, então quando me jogo... Estraçalho-me... E juro, estava precisando sentir essa sensação novamente.

Como a rotina ta bem mais kamikaze, vou ter que juntar meus cacos no final de cada semana e dar um check na planilha com aquele ar de superação.

Então comecei assim, com 60’ moderados ontem (segunda-feira) , sendo que a sensação de formigamento no corpo começou i-m-e-d-i-a-t-a-m-e-n-t-e , mas passou na mesma velocidade :-) .

Cheia de orgulho saltitei pelos 60’ num ritmo mais forte que o previsto porque a vontade era tanta que não tem pangaré que se segure lomba a baixo.

E pra hoje tenho 10’LE 50’MO 10’LE e estou naquele momento pré-treino contando os minutos.

Bom, sempre funcionei muito mais treinando pela manhã. Talvez tenha sido esse detalhe que me deixou mais afastada dos treinos em si. Coloquei na cabeça que só funcionavam os treinos da madrugada... E como mudou tudo, acabei não encaixando mais as corridas matutinas no meio da semana.

Mas ontem, motivada na quinta potência em retornar sim ao universo das passadas, acabei correndo à noite e foi incrível! To certo que demorei um pouco mais para dormir, mas adormeci sorrindo.
A princípio volto as provas ainda no mês de julho no Nigth Run aqui em Porto Alegre. 
Então o retorno é tímido como a imagem que ilustra o treino de ontem.



Bjo...

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Saudade de escrever aqui :-)

Nossa, já faz tanto tempo não escrevo por aqui... e por incrível que pareça foi um misto de situações que acabaram tirando o meu foco das postagens. Também tive altos e baixos nos treinos e quando isso acontece, sempre acaba espirrando pra algum lado...
Mas o que deixei de escrever também me deixou em dívida e por isso acho mais do que certo voltar do ponto que parei.
E parei num momento de retomada das corridas.
Como legítima geminiana, tomo decisões pautadas nos direitos e deveres desta cidadã que vos escreve.
Deveres concluídos , voltando então as planilhas dos prazeres (digo, das corridas)
A últma corrida de 2013 foi uma enxurrada (literal) de emoções.
Choveu bastante no início da prova e a largada ainda foi abaixo de chuva.... depois foi abrindo e fluindo como música.
Havia combinado de encontrar a Juliana antes da largada, mas aquele mar de gente acabou naufragando nosso encontro que acabou acontecendo sob o sol no meio da Av. Beira Rio!
Ju, foi especial aquela batida power de mãos! Roubei essa fotinho pra registrar teu mega sorriso enquanto corre. 
A prova foi boa, não foi o melhor tempo nos 16K, mas valeu cada passada. 
Finalizei em 1h26''.
Seguem algumas imagens :



Adoro uma foto..rsrsr








JU, ADOREI TE ENCONTRAR!
 Depois disso, finalizei o ano das corridas oficiais e me joguei nas funções familiares. Filhos se formando, fazendo vestibular.... Meu pai sendo patrono da feira do livro aqui da cidade, enfim... tudo junto. Segui treinando, mas sem volume efetivo.

Passado - Presente - Futuro
Formatura do Victor Dez/2014
Meu amor, em dezembro foi nosso aniversário de casamento... 12 anos!
E veio janeiro, fevereiro e amanhã já é março!
Nessa sexta feira de carnaval já arrumei toda a roupa para fazer o longo de sábado... solita pelas ruas dessa cidade. Porque feriado pra mim é sinônimo de treinar mais e melhor, no ritmo silencioso que a cidade acaba por imprimir.
Imagens dos treinos que fiz...





Pra finalizar esse post por hoje tenho duas provas engatilhadas na agenda :
Final de março -  Aniversário de Porto Alegre | 10K pra desenferrujar 
Final de abril -  Meia Maratona de Porto Alegre | 21K pra me jogar na inteira na Beira Rio
Pra quem quiser, dá tempo pra se inscrever nas duas, seguem os links :

http://www.meiamaratonadeportoalegre.com.br/
http://corpa.esp.br/11capoa/index.html

Bjo :-)


terça-feira, 15 de outubro de 2013

+ Imagens Fila Night Trace


Maridón




segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Alimentação

Um assunto que move meus sentidos, além da corrida, é a alimentação. Durante muito tempo tive um caso de amor e ódio com os alimentos em geral e achava que todos eram vilões dos corpos femininos.
Passei a adolescência já trabalhando como modelo e isso acabou minando em aspectos não muito favoráveis as questões disciplinares/alimentar.
Na gravidez ( aos 20 anos) engordei 28 quilos!
Hoje, aos 38 anos, enxergo os excessos e os extremos numa ótica + simplista.
Claro que tudo tem uma conexão direta com o que vivemos e como nos enxergamos.
Mas sem sombra de dúvida, correr clareou e tirou do foco a necessidade monstra de sempre estar de regime.
Aprendi que cada corpo é uma máquina única, com dna e necessidades diferentes.
Que nem tudo que lemos serve pra todas a mulheres e que a soja (queridinha de muitos), o glúten e a lactose travam meu organismo e fazem ele andar para trás.
Diante dessas informações importantes, comecei a basear minha alimentação.
Demorei muitos anos pra entender e me organizar dentro do hemisfério familiar.
Hoje tenho hábitos diferentes do restante da casa.
Cozinho minhas porções, compro alimentos sem lactose/glúten/soja e cozinho para os demais tudo que eles gostam de comer, na proporção alimentar saudável, mas sem restrições.

Claro que tem dias que me jogo num xis tudo ou num rodízio de pizza.  Mas já sei que no dia seguinte estarei com o corpo inflamado e com a idade, já são 2 dias para validar a desintoxicação.
Vale a pena tudo isso? Não me privo , mas não abuso.
Me alimento com quase nada de sal e economizo muito nos almoços em família também.
Recentemente descobri uma empresa da cidade que tem uma gama incrível de alimentos naturais, light/diet, sem gluten/lactose e sem sal, todos congelados.
Então de 15 em 15 dias, faço uma listinha e presenteio-me com itens que adiciono ao meu cardápio e que fazem tão bem ao organismo. 
Pra quem mora em São Leopoldo (ou arredores) a super dica é a Nutritécnica, que é uma clínica de Nutrição e Saúde integrada que trabalha à mais de 20 anos no mercado e tem um restaurante integrado o Gourmet Shop Diet   , que é onde eles servem almoços e uma linha imensa de produtos congelados de alto teor nutricional. Lá é a minha Disneylândia....rsrs
Ainda hoje começo a maratona de treinos para o próximo desafio e vou postar a planilha de treinos desenvolvida para essa nova distância.

 


domingo, 13 de outubro de 2013

Fila Night Race!

Esses últimos dias passaram tão rápido que mal pude postar o restante dos treinos que fiz para prova Fila Night Race.
O legal de tudo foi ter uma planilha a ser seguida.
Gostei tanto de dormir já sabendo exatamente o que eu tinha pela frente!
Normalmente meus treinos aconteciam conforme soprava o vento e isso normalmente não te trás o treinamento necessário para  ir superando teus horizontes.
Sempre digo que correr é algo que faço além dos meus limites.
O melhor treino é sempre aquele que me leva além do que imagino ser capaz. Posso correr 5K e ter essa sensação, como correr 21K e realmente ter a certeza que as barreiras foram  destroçadas.
Nesse dias que não postei, corri praticamente a planilha toda.
Foram dois longos de 21K cada , e vários treinos médios que variavam entre 8, 10 ou 12K.
Não fechei os 15/15 como planejado, mas acabei fechando 13/15.
A prova ontem foi interessante.
Estava mais bem preparada que na última em que corri, mas meu rendimento/tempo bateu na trave e meu pace médio fechou em 5.02
Faltou ritmo de prova, mas saí contente com o resultado, fechando em 50'.
Até o 7K estava bem, ainda respondendo aos estímulos...rsrs, mas depois disso levei um capote de 5 gurias que não consegui  + buscar e fechei na geral em 17° lugar. No ranking por categoria fiquei em 2º.
Mas adorei, a família foi junto apoiando sempre, a camiseta de manga longa vou rasgar de tanto usar aqui nos dias frios, e mais a organização, quase 100%.
Maridão fez as fotos  , os filmes e ainda ia "baixando" durante a prova pra gritar "Vamo Alemoa"...
O percurso foi repetido e duas voltas no mesmo lugar acabam sendo entediantes ( por isso não dou 100% pra prova)
O que mais acho sem graça é passar pela chegada e não chegar...rsrsr, mas tá valendo. 
Mas graças ao riscado da corrida, o apoio do staff família foi mais intenso.
Já tenho outro race marcado para daqui a três semanas a Mizuno10 milhas e amanhã começo os treinos pra essa prova. 
Hoje curti as dores do pós prova e aproveitei as lembranças que ficaram de cada K rodado.
Seguem imagens da prova de ontem.
Tem uns vídeos legais que o Ernani fez que vou postar depois.
Bjo,













terça-feira, 1 de outubro de 2013

Running Day - Treino 6/15

O treino de hoje foram 10K, soltinhos nas ruas de São Léo.
Acabei puxando + um quilômetro pra chegar no carro e fechei 1 hora feliz de treino. 
Salvo o acidente que presenciei , o treino foi tranquilo.
Tentei fazer uma imagem, mas saem todas iguais então tentei inventar....e também não deu certo. 
Por esse motivo, pra ilustrar optei pelo registro do garmin mesmo.
Bjo,





domingo, 29 de setembro de 2013

Running Day - Treino 5/15


Hoje era dia de treino longo depois de meses sem fazer grandes rodagens. 
Na planilha elaborada dizia 20K.  Ontem à noite fiz tudo como manda o figurino e deixei a "vestimenta" preparada pra saltar cedinho da cama. 
Despertador tocou 05:50 , enrolei um pouco e pá... fui direto pra janela da cozinha. 
Não enxergava um palmo na frente... não tinha árvores no campo de visão ( isso que eu moro no meio do mato). Com a cerração muito fechada, não tinha muita opção e resolvi esperar uma hora a mais. 07:00 e nada de abrir ... 
Como todo domingo o almoço é sempre aqui em casa, então tenho um horário fixo pra entrar na cozinha. 
Precisava começar e terminar a rodagem até no máximo 09:30 da matina ( já com acréscimos..) então resolvi deixar para correr depois do meio dia.
14:00 em ponto estava disparando o Garmin ( que realmente está me preocupando... começa a funcionar quando chega próximo aos 3'...) 
Fui mantendo um ritmo sem neuras e cheguei bem até o km 16.
Depois disso foi tudo ladeira à baixo... resistência, psicológico... uma vergonha mesmo.
Cheguei no carro com a cara vermelho colorado ( dá-lhe Inter!) , conforme imagem abaixo:


Mas fechei, pelas minhas contas (não do Garmin) 21K.
Amanhã é off e terça recomeço com mais uma semana de treinos.
Bjo, 

 

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Running Day - Treino 4/15






O treino hoje eram 10Km regados à vento , suor e mais vento. Posso dizer que me passou um filme básico na cabeça  da última meia em que participei no ano passado. Mais da metade do percurso foi "adornado" pelo vento nos peitos. E foi depois dessa prova "de fogo" que resolvi dar um tempo nas corridas. Quanta burrice!
Fotinho acima, indo de encontro ao destino de largada, e na foto abaixo... só não tô mais encharcada porque o vento fez o trabalho contra, mas vim moída! 


Na real, estou moída! 
Faz tempo que não entro numa rotina mais puxada, mas estou amando e hoje numa conversa com o maridón, fizemos um tipo de "amarração" para a preparação da Maratona  no ano que vem.
Meta é correr antes dos 40 essa bendita, e como faço 39 em maio de 2014 já me considero praticamente inscrita na Internacional de Porto Alegre, que deve estar definindo o calendário em breve ( normalmente entre final de maio e início de junho) mas está dependendo ainda  dos preparativos da Copa.
Parece que chove tudo amanhã aqui no sul, mas pra domingo tem o primeiro longo da planilha e ele vem com 20Km . Se vou fechar ele inteiro e correndo, aí é outra coisa....
Então essas são as cenas dos próximos capítulos.
Bjo,

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Running Day - Treino 3/15

Fechei os 12Km de hoje num pace bem alto , algo em torno de 6' .
Tá tudo no Garmin.
Nossa, terminei exausta!
Fiz num percurso com subidas, descidas, chão batido e grama encharcada e que por mais que eu tentasse , as condições gerais do tempo e do corpo (e do solo) não iriam permitir.
Então pra hoje foi isso... 12 Km lentooo.
Mas valendo! O objetivo era esse mesmo.
Amanhã tem 10Km, pace em torno de 5'20 , vamos ver se o corpo decola .
Pro final de semana a meteorologia promete mais chuva.
Não dá pra brigar com a natureza!
E falando em natureza, olha o lugarzinho difícil de treinar que tenho pertinho de casa.




 
 Bjo!

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Running Day - Treino 2/15


E não é que a  primavera acordou feliz  e fez da quarta-feira um dia de sol perfeito!
Com a  agenda do dia cheia , me preparei pra ir matando uma leão por hora até o momento do treino. Olhando a  planilha feita pelo marido e coach eu tinha duas opções pra hoje : 8K matando na rua ou na estrada de chão batido.
Como uma legítima geminiana, fiquei o dia inteiro com as opções saltitando na minha cabeça. 
Ir pro centro correr é um treino mais veloz, mas correr perto de casa elimina o trajeto + o estacionamento.... Argh, tem dias que a indecisão baixa e não some do corpo... e por isso agradeço todos os dias pelo maridón já saber como lidar com a Alemoa dele.... na pressão!
Chegou em casa chegando e definiu hora e local pro treino e ainda  foi treinar comigo ( tão fofo !!!)
Garmin à postos comecei bem.... e por falar em Garmin o bonito resolveu funcionar hoje. Parece que saiu do estado de estupor e começou a  marcar já na largada.
Pelas contas , fechei 3K abaixo de 14' e 5K em torno de 23'50''.
O percurso ( duas voltas de 4.200 mts ) começa com uma descida muito sutil e equilibrada pra virar depois e voltar no trajeto com subida crescente.
Fechei os 8K em 39'23''.
Achei bem bom. Amanhã 12K pra soltar num ritmo bem mais lento. 
Fotinho feita na chegada dos 8K (crédito pro maridón, claro!)
Bjo,

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Running Day - Treino 1/15

Ontem acordei com a garganta fechada e a cabeça tipo porongo. 
Aproveitei a chuva + o off da semana pra colocar o corpo em dia.
Hoje, apesar da chuva , tive o primeiro treino de 15 programados para a regressiva do Fila Night Race. 
Ele teve que ser na esteira e depois ainda complementei com abdominais. Vou fazer a dobradinha para reforçar mais.
Se amanhã continuar chovendo , vou colocar o pé de pato e me jogar na rua, de qualquer jeito! 
 Fica pulsando aquela vontade desenfreada de correr e por mais que eu aprecie dias chuvosos, para bom corredor, meia nesguinha de sol já basta. 
É isso então, sem mais news pro momento!
Bjo,


 

domingo, 22 de setembro de 2013

Running Day - Treino | Rock in Rio | Frio

Dia atípico em várias formas, começando com meus filhos longe de casa 
curtindo o último dia de Rock in Rio, um frio que não deixa a primavera entrar e mais um dia de treino dentro de casa.

Somando tudo, cria-se um domingo de fato!